Uma rápida pergunta para você, leitor: para ler esta matéria do blog da Braslab, você precisa afastar a tela dos olhos? Se a resposta for positiva, fique atento: você pode ser vítima de presbiopia, popularmente conhecida como vista cansada.

Presbiopia-doenca

Seria a presbiopia uma doença? Há formas de prevenir este quadro? Por qual motivo a presbiopia ocorre? Como tratá-la? As respostas você acompanha a seguir, confira!

Presbiopia: o que é?

Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, a presbiopia não se trata de uma doença. É uma resposta natural do organismo, que com o envelhecimento, agrava a capacidade, progressivamente, de enxergar objetos de perto.

O cristalino, nesta situação, perde sua flexibilidade devido ao avanço da idade, o que acarreta nesta perda de capacidade visual.

Este quadro é muito comum a partir dos 40 anos de idade, e os principais sintomas são:

  • Dificuldade para realizar uma leitura;
  • Fadiga ocular;
  • Dor de cabeça constante;
  • Necessidade de maior iluminação para realizar tarefas como leitura ou passar a linha no buraco de uma agulha, por exemplo, dentre outros.

Procurar ajuda especializada é essencial para que sua visão possa ser otimizada. A presbiopia não tem cura, porém, pode ser controlada, promovendo melhor qualidade de vida às pessoas.

Presbiopia: há como prevenir?

Em um primeiro momento, não há de fato como prevenir a presbiopia, uma vez que se trata de uma condição normal em nosso organismo, resultante do envelhecimento dos nossos olhos. Estudos apontam que a presbiopia ocorre em 90% das pessoas.

Tratamento para presbiopia

Quanto as formas de tratamento, podemos destacar:

  • Uso de óculos;
  • Lentes de contato;
  • Cirurgia refrativa.

Cada tipo de tratamento deve ser antes, avaliado e estudado, de acordo com cada caso e situação ocular do paciente.

Somente o médico especialista poderá orientar qual o tratamento ideal, daí a necessidade de ao sentir qualquer dificuldade na visão, agendar uma consulta com o oftalmologista.