dor de cabeca-problema visao

Problemas de visão podem ocorrer, independentemente da faixa etária da pessoa. Há alguns sinais que indicam a presença de distúrbios oculares, como olhos vermelhos e irritação nas vistas, porém, há outros sintomas que muitas vezes, podem passar desapercebidos.

Uma dúvida comum, aliás, diz respeito a um destes sintomas: dor de cabeça excessiva. Seria este quadro, um indicativo de problemas de visão?

Visão e dor de cabeça: qual seria a relação?

Não são raros os casos onde um indivíduo passa meses, às vezes anos, travando uma batalha contra a dor de cabeça e lançando mão de comprimidos para a aliviar esta tensão.

Porém, é preciso investigar a fundo a causa desta dor, uma vez que o uso de comprimidos é apenas paliativo. A causa do problema pode ser exatamente um erro de refração, cujo uso de óculos de grau prescrito pelo médico oftalmologista, já resolveria a questão.

Doenças oculares que mais causam dores de cabeça

Há uma série de doenças oculares que provocam dores de cabeça de forma intensa e excessiva. Sendo assim, ao sentir dores, procure imediatamente o médico oftalmologista de sua confiança, para que ele possa fazer o diagnóstico exato e prescrever o tratamento adequado.

Dentre as principais doenças da visão que causam dores de cabeça, temos:

  • Miopia;
  • Astigmatismo;
  • Hipermetropia;
  • Presbiopia (a popular vista cansada);
  • Retinopatia;
  • Glaucoma, entre outras.

Um fato comum quando a dor de cabeça está relacionada com a presença de algum distúrbio ocular, é a manifestação de demais sintomas e desconfortos oculares, tais como:

  • Prurido nas pálpebras;
  • Lacrimejamento;
  • Vermelhidão dos olhos, etc.

Com o uso das lentes indicadas pela receita do oftalmologista, a correção do erro de refração é obtida e o paciente, via de regra, se livra da dor de cabeça que tanto o incomodava. Em algumas situações onde o uso de óculos e/ou lentes não é efetivo, indica-se também a cirurgia refrativa a laser.

Você sente dores de cabeça constantes? Se a resposta for sim, não perca mais tempo e marque agora mesmo uma consulta com seu médico.